quarta-feira, 17 de março de 2010

Bebendo a valer

Um dia inteirinho para tomar cerveja sem culpa. Imaginou? Pois esse dia existe de verdade: hoje, 17 de março. Essa é a data da maior e mais tradicional festa irlandesa, a Saint Patricks's Day. Nesse dia, todos se vestem de verde e bebem cerveja para celebrar o feriado de São Patrício, padroeiro do país.

Sabe-se muito pouco sobre a história de Patrick. Nascido no século V, ele foi sequestrado aos 16 anos por irlandeses, que o fizeram de escravo. Alguns anos depois, em um sonho, ele recebeu um chamado divino: Deus o pediu para fugir do cativeiro e retornar à Grã-Bretanha, seu país de origem. Assim que voltou, Patrick começou a estudar para ser padre. Em 432, ele recebeu um novo chamado para voltar a Irlanda e levar a religião cristã àquele povo. Assim o fez até sua morte, em 17 de março de 461.

(Ilustração de São Patrício. Foto tirada desse link)

Os irlandeses começaram a fazer uma festa em sua homenagem a partir do século IX, mas só no início do século XVI é que a festa foi incluída no calendário universal da Igreja Católica (A mim, o mais engraçado é pensar como esse feriado católico, que cai bem no meio da quaresma, pode ser comemorado com tanta cerveja!).

Desde então, a festa acontece em diversos países ao redor do mundo. Os símbolos desse dia são o trevo e a cor verde, exatamente os símbolos da Irlanda. Segunda o folclore irlandês, Patrick usava essa planta para explicar a doutrina da Trindade aos nativos.

A maior comemoração, obviamente, é na Irlanda. Em 1903 o dia se tornou feriado nacional e a partir de 1990 o governo começou a usar a data como uma forma de apresentar o país e sua cultura para as outras nações.

(Mulheres fantasiadas no Festival da Irlanda. Quanto mais "no clima" melhor. Foto tirada desse link)
.
Lá, todo ano acontece o Saint Patrick's Festival (ou Festival de São Patrício), com muita música folclórica, filmes, espetáculos e fantasias. Esse ano, o Festival aconteceu entre os dias 12 e 17 de março. No último dia acontece a Parada: as pessoas se fantasiam de verde da cabeça aos pés e saem desfilando pelas ruas de Dublin, capital da Irlanda.

Onde mais?

Há países que tem uma relação tão forte com a Irlanda que começaram a celebrar a data em grande estilo antes mesmo dos irlandeses. O principal nome da lista é os Estados Unidos, mais especificamente a cidade de Boston. Lá ocorreu a primeira Saint Patrick's Day Parade do mundo, em 18 de março de 1737. A Parada foi realizada por trabalhadores imigrantes da Irlanda que não estavam satisfeitos com sua baixa aceitação social no país e, consequentemente, com as dificuldades de conseguir emprego.

(Em Boston, a maior e mais tradicional Saint Patrick's Day Parade. Foto tirada desse link)

Desde então várias outras cidades começaram a promover paradas semelhantes, com a ajuda de mais e mais pessoas. Em 1848 o evento ganhou tanta amplitude que se tornou não só o maior desfile do país como também um dos maiores do mundo (maior, inclusive, que o da própria Irlanda). Mais de 20 cidades nos EUA organizam uma parada no dia 17 de março.

Na cidade de Montreal, no Canadá, também há uma Parada para comemorar o Saint Patrick's Day. Lá, o evento acontece desde 1824 sem interrupções. Em Oslo, na Noruega, há um desfile com mais de mil pessoas fantasiadas. O mais original ganha um fim de semana para dois em Dublin. Na Itália são 10 dias de festa, com muita música, comida e bebidas irlandesas.

(No Canadá, as cores das luzes externas do Calgary Tower deixaram de ser brancas e se tornaram verdes no ano passado. A cor faz parte do Project Porchlight, que visa reduzir o consumo de energia. Bela coincidência não? Foto tirada desse link)

Na Argentina a festa dura a noite inteirinha e só termina lá pras 7h ou 8h da manhã. Mesmo sem a tradição de ficar zuando quem não está de verde, muitas pessoas se vestem com a cor. A festa acontece na rua da Reconquista, no centro de Buenos Aires, aonde há uma série de pubs irlandeses.

Outro lugar fortemente influenciado pela Irlanda foi a Nova Zelândia, que recebeu uma série de imigrantes a partir de 1800. A festa de Saint Patrick é extensamente comemorada, com pessoas vestindo verde e bebendo na rua até altas horas da manhã. No país, o dia serve para celebrar as relações entre os dois países e seus habitantes.
.
A pequena ilha caribenha de Montserrat é o único lugar aonde o 17 de março é um feriado nacional, com exceção da Irlanda e da província canadense Newfoundland e Labrador. O local foi fundado por refugiados irlandeses e foi bastante influenciado pela cultura do país.
.
Porque o brasileiro gosta mesmo de uma festa

Qual é a ligação do Brasil com a Irlanda? Nenhuma, que eu saiba. Mas como brasileiro é piolho de festa (e falo isso em um tom super positivo, pois acho ótimo) o país não poderia ficar de fora.

Aqui não há Paradas ou Festivais. Muitas pessoas nem sabem que o Saint Patrick's Day existe, mas alguns estabelecimentos sabem aproveitar a data. A festa mais tradicional é organizada pela comunidade irlandesa em São Paulo. Todos vão para o restaurante The Bridge, no bairro Pinheiros. No cardápio, guisado irlandês tradicional regado a muita Guinnes e uísque irlândes. Há também uma série de bares que promovem eventos, baseados sempre na excelência (e abundância) de cerveja.
.
(Comemoração no bar Frei Tuck, em Belo Horizonte, no dia 15 de março. A cervejaria fechou uma rua e montou barracas que ofereciam "n" variedades de cerveja. Foto tirada desse link)

Outras cidades também comemoram a data. Alguns lugares resolveram comemorar no domingo passado, outras vão celebrar o evento nesse próximo sábado ou domingo. É só procurar e aproveitar.

Um comentário:

  1. Obrigada pelas informações! Ficou muito legal! Vi seu post no CS BH! A gnt se vê na Savassi! ;D

    ResponderExcluir